quinta-feira, 21 de julho de 2016

Qual sapatilha de meia ponta é melhor para meu pé?




Oi Gente !
Qual sapatilha de meia ponta é melhor para meu pé?
Primeiro de tudo: a que for mais confortável!
A escolha da sapatilha é, em regra, pessoal (pois sempre tem aqueles professores que determinam), depende do seu tipo de pé, se é mais chato ou mais côncavo, se é mais espalhado ou juntinho, largo demais ou magro demais, etc. Também depende se você precisa fortalecer ou segurar mais caso o pé seja muito mole.
Também tem uma questão importante, com o tempo e alongamento do pé elas vão laceando e você pode ir trocando os modelos caso outros se tornem mais confortáveis. Pois conforme você vai se exercitando no ballet, é natural que seus dedos comecem a se espalhar mais, alargando/alongando um pouco mais o metatarso.
No geral, professores indicam sapatilhas com solados inteiros para crianças ou iniciantes, que são normalmente utilizadas para fortalecer os dedos e desenvolver a musculatura do pé, e as de solado dividido para intermediários e avançados, mas isso também vai de cada pessoa e do desenvolvimento de cada pé.


                      
Quanto ao tamanho, é normal você se ver comprando uma sapatilha de um número maior do que você calça, também pelo que falamos acima, conforme seu pé vai desenvolvendo e alongando, seus dedos devem buscar mais o chão, então eles vão se abrindo mais, se esticando e tal, ou seja, precisam de mais espaço do que num sapato normal, né? Mas tudo depende do seu conforto!
Para os meninos, há sapatilhas mais largas devido ao metatarso do pé ser maior, mas nada impede de usar sapatilhas femininas, ou também mulheres que tem pés mais largos usarem sapatilhas masculinas em prol do conforto.
                                                      
Mais um dica importante : “Ao provar sua sapatilha, colocar o pé inteiro no chão e tentar fazer a posição flex, dedos pra cima (tipo pé de palhaço, sabe?), mexer os dedos, ficar na meia ponta e descer. Se você sentir que seus dedos tem espaço pra se alongar, que não estão apertados tipo "garrinhas" ou não está pegando no calcanhar… acertou na escolha!” 
DURABILIDADE – COMO CUIDAR?
As sapatilhas, em regra, são laváveis. Você pode deixar de molho as que são de lona (pano) e depois estender normalmente, e as de couro/sintético ou cetim, é preferencial que esfregue (de leve) com um pano úmido. Após secas, pode passar talco para manter sem mau cheiro. Observação: a maioria, quando lavada, dá aquela apertadinha básica, ou pode perder o formato do pé.
As sapatilhas de meia ponta não tem uma durabilidade muito longa. Então, quem usa muito acaba não lavando pra não perder o conforto, a forma do pé, etc., já que vai durar pouco mesmo… As nossas (lona), por exemplo, fazendo aula em média 3 vezes por semana, duram mais ou menos 3 meses ou até que o dedão rasgue. As de couro/sintético costumam durar mais um pouco!
PARA GUARDAR E LEVAR: guardar em saquinhos de sapatilha, criados para poder levar na bolsa sem deixar sua sapatilha solta sambando por lá! 
Nota importantese você guarda sua sapatilha em um saquinho de plástico, é importante depois deixar sua sapatilha “respirar” quando chegar em casa para evitar mau cheiro e mofo.



http://naspontas.com.br/2015/11/24/sapatilha/


Instagram: moda_ballet
Whatsapp ou Telegram: (11) 9.4555.8441

Tel.: (11) 3530.3024
Loja física: Rua Paulo Eiró, 156 – Centro de Ofertas – Santo Amaro – São Paulo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário