quinta-feira, 11 de maio de 2017

Por mais tempo junto, pai faz balé com filha e sofre preconceito.

Oi Gente!
Para passar mais tempo junto com os filhos talvez seja um dos grandes desafios das famílias das grandes cidades. São as contas, o trabalho, as demandas da casa, alguns dos grandes obstáculos que se colocam no dia a dia de pais e filhos. Pensando justamente em passar mais tempo com a filha Luana, que tem nove anos, Raphael Najan, de 33 anos, decidiu acompanhá-la em uma de suas atividades extra-curriculares.
Mas, o que poderia ser visto como uma boa solução encontrada por ele para estreitar o vínculo com a filha, virou alvo de críticas e preconceito nas redes sociais.  Isso pois Raphael, que é preparador físico e bailarino, decidiu acompanhar a menina em suas aulas de balé.

Créditos: Renata Labanca
Pai e filha na aula de balé
Após a iniciativa ter sido pauta de uma matéria do site do Estadão, ele começou a receber críticas e ofensas pelas redes sociais.
De acordo com a reportagem do UOL, não foi a primeira vez que Raphael sofreu preconceito por conta da dança. Ele conta que seu próprio pai relutou muito em aceitar sua escolha profissional."Eu fico pensando por que uma pessoa se dá ao trabalho de criar um perfil fake só para poder fazer esse tipo de crítica. Mas é o ser humano, né? As pessoas cobram tanto que haja mudanças na sociedade, mas elas mesmas continuam destilando preconceito", disse Raphael em entrevista ao UOL.

Créditos: Renata Labanca
Pai e filha na aula de balé
O bailarino afirma que adoraria que seu outro filho, Miguel, de seis anos, também praticasse balé, mas que acredita que a criança pode já estar influenciada pelo preconceito em relação à prática da modalidade por meninos.
"Uma vez falaram que o pai dele era bailarino e ele ficou bravo, respondeu que não, que o pai dele dançava. Fica a briga dos pais contra sociedade, contra a escola que diz que balé é coisa de menina, que se veste de rosa".
https://catraquinha.catracalivre.com.br
Instagram: moda_ballet
Whatsapp ou Telegram: (11) 9.4555.8441
Tel.: (11) 3530.3024
Loja física: Rua Paulo Eiró, 156 – Centro de Ofertas – Santo Amaro – São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário