segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Feliz Ano Novo e volta as aulas!

Oi Gente !

Feliz Ano Novo !
Você que está começando ou retomando as atividades de dança em 2017: se você, assim como eu, sente que esse ano promete, comece o pé direito alongado e em dehors!

Assim começamos o ano falando das sapatilhas de ponta como escolher para esse ano, assim segue algumas dicas:


Força no Pé
Conhecer a força do seu pé com certeza irá influenciar muito na sua escolha de sapatilhas. Infelizmente, muitas de nós não sabemos se nosso pé é forte ou não, até comprar a primeira ponta.

Assim sendo, pergunte à seu professor ou professora sobre a força do seu pé, como profissional, eles devem ter pelo menos uma ideia sobre isso. Mas caso ocorra de não saberem te dizer (acreditem, alguns simplesmente não sabem #absurdo), você pode fazer o teste na loja onde for comprar sua pontinha.

Peça três pontas, uma macia, para iniciantes, uma para quem tem força normal no pé, e uma reforçada para quem tem bastante força. 

Comece com a ponta macia, coloque-a no pé, suba, e observe o arco formado na palmilha da sapatilha. Não deve ser um arco já perfeitamente formado, pois a sapatilha ainda irá quebrar e se moldar aos seus pés na aula. Então, se você já curvar a sapatilha logo de cara, quer dizer que seu pé é forte demais para ela.

Mas, se perceber que a sapatilha ficou "confortável" e o arco da palmilha se forma, mas não tão perfeitamente, quer dizer que esta sapatilha é boa pra você, e que seu pé não destruirá ela facilmente.

Se percebeu porém que a sapatilha macia se dobrou com muita facilidade e descartou-a, pegue agora a média. Se não conseguir formar nenhum arco na palmilha, quer dizer que a sapatilha está muito dura pra você, e você não terá força para quebrá-la. Deve-se formar um arco mediano, assim como no exemplo da sapatilha macia.

Mas se a sapatilha também se dobrar com muita facilidade, quer dizer que esta também não é pra você, assim como no caso da outra você destruirá a sapatilha rapidamente.

Assim sendo, se a sapatilha média também não lhe foi agradável, experimente a sapatilha reforçada.

Poucos iniciantes possuem força suficiente para uma sapatilha reforçada, mas algumas pessoas tem esse dom, então, prove-as também. Os mesmos aspectos devem ser analisados, você conseguirá curvar a palmilha dessa sapatilha? Formou-se um arco mediano? Se sim, esta é pra você.

Após entender a força do seu pé, lembre-se de escolher uma sapatilha adequada a essa força. Vejo muitas meninas escolherem pontas mais duras que sua força simplesmente para que a sapatilha dure mais, mas isso acaba sendo um erro, pois até conseguirem quebrar as sapatilhas, perdem um bom tempo de trabalho.

Largura dos Pés
A largura dos seus pés deve ser levada em consideração na hora de escolher as sapatilhas. Uma sapatilha larga em pés finos permitirá movimento demasiado dos pés dentro da ponta, o que não é correto e pode causar lesões. Em contraste, uma sapatilha fina em pés largos comprimirá os dedos da bailarina, causando uma dor insuportável e um trabalho de pontas incorreto.

Assim, como saber se seus pés são finos ou largos, a fim de escolher o box da sapatilha certo?

Peça duas pontas, uma de box estreito e uma de box largo. Se seus dedos ficarem muito apertados dentro da sapatilha, é sinal de que precisa de uma ponta mais larga, e da mesma forma, se seus dedos ficarem com muito espaço dentro da sapatilha, é sinal de que precisa de uma ponta mais estreita.

Sugiro que prove uma ponta em cada pé, e perceba qual fica mais confortável em você. 

Lembre-se também que existem as pontas de forma média (normal), então pode ser que seu pé não seja nem fino, nem largo, mas normal. Assim, peça para provar também, e tenha certeza antes de fazer a aquisição.

Colo de Pé - Decote da Sapatilha (Gáspea)
A quantidade de colo de pé que você tem também deve ser analisada com cuidado. Muitas pessoas confundem ter colo de pé, com ter força no pé. Cuidado, são duas coisas diferentes!

Muitas pessoas tem bastante força na planta do pé e nos tornozelos, mas não possuem colo, enquanto outras tem muito colo mas mal tem força para quebrar as sapatilhas. Então, analise essas duas coisas de formas separadas.

Diferente do que alguns pensam, a palmilha não é a única a sustentar o colo de pé da bailarina. Uma sapatilha mole não permitirá que a aluna solte seu colo de pé, nem uma sapatilha dura reterá o colo de pé demasiado se não houver o acompanhamento de outro fator muito importante: O decote da sapatilha!

O decote da sapatilha deve ser proporcional ao seu colo de pé.

Se você tem muito colo de pé, opte por sapatilhas que possuam o decote alto. Este decote irá conter seus pés para que você não saia do eixo. Além disso, protege que seus dedos saiam da sapatilha pelo decote.

Em contraste, se você tem pouco colo de pé, opte por sapatilhas que possuam o decote baixo. Este decote permitirá que seu colo de pé seja mais exposto e tenha liberdade de se desenvolver.

Se você não conhece o seu colo de pé, se ele é alto, médio ou baixo, veja as figuras abaixo e entenda melhor:

Formatos de Pé
Existem três tipos de pé: O Grego, o Egípcio e o Romano (Quadrado). Cada sapatilha é feita para um formato de pé, então, se você não sabe o seu, veja as imagens abaixo:



Estas informações podem ser encontradas em cada sapatilha, assim, estude qual se adapta mais ao seu formato de pé.

Ponteiras
As ponteiras são uma escolha de uso pessoal, Silicone, tecido, espuma, gel.Procure experimentar todas e assim ver qual te agrada mais.

Eu pessoalmente acho que as de silicone amortecem mais a pressão, mas ao mesmo tempo, as de tecido absorvem melhor o suor do pé protegendo o box da sapatilha. Atualmente uso as duas, uma por dentro da outra, então, é melhor que provem e tirem suas conclusões quanto a qual se adapta melhor aos seus pés.


 Tamanho 
Cuidado ao escolher o tamanho das sapatilhas. Não devem ser grandes demais, nem pequenas demais. Devem servir "como uma luva" nos seus pés. 

Mamães de plantão, nem adianta querer comprar sapatilhas pra sua filha com espaço para o pé dela crescer. Se você fizer isso, estará pondo os pés dela em risco, talvez provocando alguma lesão ou torção no tornozelo. 

Para saber seu tamanho ideal, ponha a ponta nos pés já usando a ponteira escolhida e, sentada, coloque um dos seus pés em ponta. Tente besliscar o calcanhar da sapatilha. Deve sobrar uma pequena quantidade de tecido nesta região. Se você apertar muito tecido, é sinal de que a sapatilha está larga, e se não estiver sobrando tecido algum, é sinal de que a sapatilha está justa demais, e vai te machucar com o tempo. 

Após isso, coloque os pés no chão e faça um plié. Observe. Está apertando seus pés de forma a causar muita dor? Está comprimindo o tendão? Está sobrando algum espaço no meu calcanhar? Nenhuma das respostas deve ser "sim", as sapatilhas não podem apertar nem sobrar, devem ser exatamente do tamanho do seu pé.


Fonte: http://www.plumasdemetal.com/

Instagram: moda_ballet
Whatsapp ou Telegram: (11) 9.4555.8441
Tel.: (11) 3530.3024
Loja física: Rua Paulo Eiró, 156 – Centro de Ofertas – Santo Amaro – São Paulo


Nenhum comentário:

Postar um comentário